15/09/2021 13:44

Caarapó volta a vacinar contra Covid-19 em horário especial nesta 4ª: das 16 às 20h, no CRAS

Is allowance instantly strangers applauded
Em Caarapó, vacinação continua nesta 4ª para população da cidade e zona rural

A Secretaria Municipal de Saúde de Caarapó retoma hoje a vacinação contra Covid-19 em horário diferenciado: das 16 às 20 horas, no CRAS Urbano, antiga Vaca Mecânica. A vacinação é para a população da cidade e zona rural, segundo informou o órgão.

A imunização se destina às pessoas de 12 anos acima, que poderão receber a primeira dose da vacina. A segunda dose do imunizante tem como público aqueles que tinham agendamento da segunda dose da vacina Astrazeneca/Fiocruz até 8 de setembro.

O Departamento de Vigilância Epidemiológica informou que a vacinação ocorrerá por ordem de chegada e as doses do imunizante são limitadas. Deverão ser apresentados no ato da vacinação os documentos pessoais, como CPF, Cartão SUS, Carteira de Vacinação e comprovante de residência atualizado.

Números da pandemia em Caarapó

O Departamento de Vigilância Epidemiológica, órgão da Secretaria Municipal de Saúde, divulgou boletim informativo na terça-feira (14) com os últimos números da pandemia registrados em Caarapó. Conforme o documento, os casos positivos em isolamento somavam 8, sem nenhum paciente internado. Óbitos confirmados totalizavam 57, com 99 multas aplicadas por descumprimento de regras sanitárias.

A vacinação avança em Mato Grosso do Sul. De acordo com o Vacinômetro, que informa os números da imunização, disponível na página da Secretaria de Estado de Saúde (https://www.saude.ms.gov.br/e-vacine/), até nesta quarta-feira foram aplicadas 3.330.924 doses da vacina contra a Covid-19. Receberam a primeira dose da vacina (D1) 1.874.064 pessoas. A segunda dose (D2) beneficiou 1.179.801 sul-mato-grossenses. Receberam a dose única (DU) 234.887 pessoas no Estado. O esquema vacinal completo representa 50,36% da população.

Em Caarapó, as doses gerais aplicadas somam 37.006, sendo 20.360 D1, 2.571 DU, 13.323 D2 e 752 D3. Os números representam 71,47% em relação à meta vacinável estabelecida para o município.

 

Fonte: Dilermano Alves/Assessoria Prefeitura