30/06/2020 18:10

Aral Moreira recebe 50 “Face Shield” para proteção na prevenção a Covid-19

Material, fruto da campanha “Coronavida” foi destinado ao município pela Assomasul, segundo o prefeito Alexandrino Garcia.

Is allowance instantly strangers applauded
O prefeito Alexandrino Garcia e a secretária de saúde, Adriana Veron, com o equipamento de proteção facial recebido da Assomasul. “Face Shield” serão empregados pelos profissionais da linha de frente da saúde e servidores que trabalham diretamente com o a

Vilson Nascimento

O município de Aral Moreira recebeu 50 protetores faciais, também denominados “Face Shield”, para equipar os profissionais que trabalham na linha de frente da saúde e no atendimento ao público, como forma de prevenção ao novo coronavírus.

Segundo o prefeito, Alexandrino Garcia (PSDB), o equipamento, distribuído em todo o Estado por meio da campanha “Coronavida”, que envolve a Assomasul, a Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul e a Defensoria Pública do Estado, foi repassado a Aral Moreira pela Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul).

De acordo com a secretária municipal de saúde, em Aral Moreira, Adriana Veron Batista, o material de proteção foi distribuído para ser empregado por profissionais de saúde e para setores como a Secretaria de Assistência Social e Secretaria Municipal de Saúde, por exemplo, para uso dos servidores que atendem diretamente ao público.

A Covid-19 em Aral Moreira

Até essa terça-feira, 30 de junho, o município de Aral Moreira já havia registrado 9 casos positivos de Covid-19 e mais 13 casos suspeitos da doença aguardavam resultado de teste de laboratório, segundo a secretária de saúde, Adriana Veron.

Medidas preventivas

Aral Moreira colocou em funcionamento nessa segunda-feira (29) uma central de triagem para garantir maior rapidez e eficácia no atendimento a pessoas com síndromes gripais que sugerem possível contágio por Covid-19.

Mesmo antes do surgimento dos primeiros casos do novo coronavírus no município, a Prefeitura de Aral Moreira já havia adotado, por meio de decreto, várias medidas como forma barrar a disseminação da doença no município.

Entre as medidas estão a instalação de barreiras sanitárias nas principais entradas da cidade e a determinação do uso obrigatório de máscara aos munícipes.

Com o surgimento dos primeiros casos de coronavírus, o município voltou a adotar também o toque de recolher, ou seja, ninguém, exceto em caso de necessidade justificada, poderá permanecer na rua entre às 20h e às 5h da manhã do dia seguinte.

Também com foco na prevenção à Covid-19 e em prestar melhor assistência às pessoas que apresentarem sintomas gripais, a administração município de Aral Moreira colocou em funcionamento nessa segunda-feira, 29 de junho, uma central de triagem.

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, o horário de atendimento no centro de triagem, instalado na Rua Mato Grosso do Sul, N°1015 é das 7h às 19h todos os dias da semana.

O local é destinado, segundo a administração municipal, ao atendimento de pessoas com síndrome gripal (gripe) e sintomas compatíveis aos da Covid-19, entre eles febre, coriza, fadiga, falta de ar, tosse, por exemplo.

A barreiras sanitárias nas principais entradas da cidade para controlar a entrada de visitantes, tem por foco ajudar a controlar o novo coronavírus no município.

Fonte: A Gazetanews