04/06/2020 20:05

Covid-19: Programa Sentinela coletou nessa quinta em Amambai, amostras de 12 indígenas para teste de laboratório

Coronavírus está controlado no município, mas prefeito faz alerta para necessidade da prevenção.

Is allowance instantly strangers applauded
O prefeito, Dr. Bandeira (d) com o coordenador da CASAI, em Amambai, Leonildo Acosta, o “Léo”. Programa Sentinela tem por meta identificar os tipos de gripe em circulação nas aldeias, entre a possível presença da covid-19. (Foto: Vilson Nascimento)

Vilson Nascimento

A equipe técnica da SESAI coletou e passou à Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde, em Amambai nessa quinta-feira, 4 de junho, material para teste laboratorial de 12 indígenas com sintomas gripais.

Segundo o prefeito do município, Dr. Edinaldo Bandeira, os swabs foram feitos dentro do Programa Sentinela, desenvolvido pela Prefeitura de Amambai em parceria com a SES (Secretaria de Estado da Saúde) em MS e a SESAI (Secretaria Especial de Saúde Indígena), através da CASAI (Casa da Saúde Indígena) local, dento como foco identificar, por meio de teste junto ao Lacen-MS, os tipos de vírus em circulação nas comunidades indígenas do município, entre eles a possível presença da covid-19.

Segundo informou Dr. Bandeira, não houve novo registro de caso positivo de coronavírus nessa quinta-feira, dia 4 de junho em Amambai. 

No início da noite desta sexta-feira, dia 5, o prefeito deverá fazer uma Live transmitida via redes sociais e também através da rádio comunitária Auxiliadora FM, para atualizar a situação da covid-19 em Amambai.

Alerta para prevenção

Apesar da covid-19 estarem controlados em Amambai, o prefeito do município, o médico ortopedista, Dr. Edinaldo Bandeira, faz um alerta que os números de casos de coronavírus estão surgindo em ritmo acelerados no Estado e no País, portanto é de fundamental importância que a população de Amambai siga à risca as medidas preventivas como o isolamento social, evitando aglomeração, fazer higienização frequente das mãos com água, sabão e álcool 70%, além de fazer o uso obrigatório de máscara e permanecer em casa quando possível. 

Veja AQUI o boletim epidemiológico do Estado dessa quinta

 

Fonte: A Gazetanews