24/05/2020 11:15

Amambai está preparada para atendimento a pacientes com coronavírus

Por não contar com UTI, casos considerados gravíssimos terão que ser encaminhados, mas para pacientes em condições estáveis, Hospital Regional tem ala com leitos exclusivos e respiradores para atender a demanda.

Vilson Nascimento

Com a população seguindo à risca as medidas preventivas adotadas pelo Poder Público para conter o possível avanço desenfreado da doença no município, entre elas manter o distanciamento social permanecendo em casa quando possível, evitar aglomerações e fazer o uso correto da mascara de proteção, que é obrigatório no município, o sistema de saúde de Amambai está preparado para o atendimento a pacientes contaminados com o novo coronavírus.

O Hospital Regional de Amambai conta com respiradores e uma ala com seis leitos, reservada exclusivamente para o atendimento a pacientes de covid-19. (Fotos: HR)

Segundo o diretor administrativo do Hospital Regional de Amambai (HRA), Paulo Sérgio Catto, a unidade de saúde conta, para pronto emprego imediato, com três respiradores artificiais transportáveis em carrinho, um portátil e nos próximos dias irá receber mais dois respiradores novos.

De acordo com o diretor, a unidade de saúde, que é referência regional em atendimento, inclusive no que diz respeito à saúde especializada, com cirurgias ortopédicas e gerais, também reservou uma ala com seis leitos exclusivos para eventuais internações de pacientes infectados com covid-19.

Segundo Paulo Catto, por o hospital não contar com UTI, pacientes com quadro de saúde mais graves que necessitarem de atendimento em Unidade de Terapia Intensiva terão que serem removidos para centros como Ponta Porã e Dourados, mas pacientes em situação estável poderão passar por internação e tratamento aqui mesmo em Amambai.

Na semana passada o Hospital Regional deu alta a um paciente testado positivo para coronavírus. Ele foi internado na unidade de saúde com problemas respiratórios agravados pela doença, recebeu toda a assistência necessária, apresentou quadro de melhoras e deixou o hospital para cumprir o resto da quarentena em casa, como prevê protocolo do Ministério da Saúde.

Fonte: A Gazetanews