08/07/2020 06:30

Inseticida inédito vira sucesso no Brasil

"ADAMA continua independente, mantendo marcas, cultura e estratégia"

O diretor de marketing da ADAMA Brasil, Alexandre Pires, revela nesta entrevista (publicada originalmene no portal AgroPages, da China) como está sendo o lançamento no Brasil do inseticida Plethora, que possui uma combinação inédita no mercado. Pires fala ainda sobre o momento de sua empresa no País e as perspectivas para este ano.

Como avalia o momento da ADAMA no Brasil, e quais são as perspectivas para este ano?

Conquistamos resultados sólidos e crescimentos constantes nos últimos anos. Isso nos deixa cada vez mais confiantes para continuarmos investindo no Brasil. Mesmo com todos as adversidades impostas pela pandemia de COVID-19 - incluindo os desafios de câmbio - a previsão é atingirmos nossas metas e crescermos novamente, mantendo nosso foco em inovação, no desenvolvimento de nossos colaboradores e nos reinventando a cada dia. Nossa meta é estar cada vez mais próximos de nossos clientes.

Como foi o lançamento do Plethora, que diferenciais aponta nesse inseticida e como vem sendo a receptividade?

O lançamento de Plethora está sendo um sucesso. Em 09/07, promoveremos junto aos nossos clientes o "ADAMA Alive", evento que contará com a participação especial de um grande time de pesquisadores, consultores e que terá em seu encerramento uma live exclusiva do cantor Renato Teixeira. Temos ainda planejados vários eventos em formato webinar. 

Como toda a indústria, temos seguido as recomendações das autoridades de saúde desde o início da pandemia. Dessa forma, novas próximas ações ligados ao lançamento dependerão dos próximos passos e das medidas de flexibilização social ligadas à quarentena. 

Plethora, que é uma combinação inédita no mercado, vem para elevar o nível de produtos premium. Entre estes produtos, Plethora se destaca pelo alto poder de choque e longo efeito residual. Trata-se de uma excelente ferramenta de manejo de resistência, com uma baixa dosagem, proporcionando menos embalagens no campo. O produto está sendo muito bem aceito no campo e as vendas estão nos surpreendendo.

Quais culturas são foco da ADAMA no Brasil, e como posiciona seu portfólio de soluções para esses cultivos?

A ADAMA tem um vasto portfólio, que se encaixa muito bem nos principais cultivos do Brasil. O novo inseticida, Plethora, vem para enriquecer ainda mais este portfólio nas culturas da soja, algodão e café.

Quais novidades a empresa prepara nos próximos meses?

Apesar do cenário de pandemia, a ADAMA continua trabalhando em inúmeras frentes para atender o agricultor e cumprir nossa promessa de marca: Listen > Learn > Deliver.
Além do recém-lançado Plethora, pretendemos lançar mais dois produtos nos próximos meses. Continuaremos investindo em serviços de inovação, como o aplicativo ADAMA Pastagem.

Os trabalhos em campanhas de comunicação voltados para culturas, também continuam. Já lançamos as campanhas #BomDeSoja, Pasto Bom é ADAMA, #BomDeCana e estamos trabalhando em projetos para enaltecer as culturas de Algodão, Café e Hortifruti.
Além destes pontos, em breve contaremos com dois portais de conteúdos no ar: o Portal Bom de Soja (bomdesoja.com.br) e o Portal ADAMA, levando conteúdo relevante e de qualidade sobre as culturas mais importantes no Brasil.

Como tem sido a sinergia com o Grupo Syngenta e as demais integrantes?

Com a constituição da holding, que não representa a fusão de empresas, a ADAMA - por meio de participação detida pela ChemChina - torna-se um membro distinto desse recém-formado líder. A ADAMA continuará com sede em Israel, permanecendo na Bolsa de Valores de Shenzhen.

Com essa robustez, a ADAMA continua operando de forma independente, mantendo suas respectivas marcas, cultura e estratégia, visando fortalecer os negócios com seus parceiros no Brasil e no mundo. A ADAMA está no melhor momento da sua história e segue confiante no seu crescimento.

Fonte: Agrolink