26/06/2020 12:55

Plano Safra incentiva energia solar

Setor de energia fotovoltáica se enquadra nos investimentos em inovação no campo

A geração de energia solar cresce no Brasil e já supera os 2 gigawats.  Segundo a Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar), a fonte solar fotovoltaica representa 99,8% das instalações de geração distribuída do país, num total de 171 mil sistemas solares fotovoltaicos conectados à rede. Os investimentos em energia solar nas propriedades rurais já passam de R$ 1,7 bilhão no País. Os produtores rurais representam atualmente por 11,7% da potência instalada na geração distribuída a partir do sol no Brasil.

E esse setor pode crescer ainda mais. O Plano Safra 20/21 projeta cerca de R$ 2 bilhões para projetos de inovação deste segmento no meio rural. Trata-se de um aumento de 33,3% em relação ao período anterior.

VEJA: Energia solar pode abastecer propriedade inteira

O financiamento está disponível para produtores de todos os tamanhos e em todas as regiões do país.  No campo a energia solar pode ajudar no funcionamento de diversas estruturas como irrigação, na refrigeração de carnes, leite e outros produtos, na regulação de temperatura para a produção de aves e frangos, na iluminação, em cercas elétricas, em sistemas de telecomunicação, no monitoramento da propriedade rural, substituindo os custos com energia elétrica. O sistema funciona ligado na rede ou totalmente sem eletricidade.

Fonte: Agrolink