16/05/2019 06:00

Famasul destaca importância da união dos produtores rurais

O presidente do Sistema Famasul - Federação da Agricultura e Pecuária de MS, Mauricio Saito. (Foto: Assessoria)

O presidente do Sistema Famasul - Federação da Agricultura e Pecuária de MS, Mauricio Saito, participou da abertura oficial da Expoagro 2019, realizada no sábado (11), em Dourados, com a participação de mais de 200 pessoas, entre lideranças rurais, políticas, produtores e profissionais do setor.

Durante a abertura, Mauricio Saito agradeceu a presença de diversos presidentes dos sindicatos rurais do Estado e destacou a importância da união do setor produtivo.  “A união do nosso setor se vê representada nessa feira com a presença intensa dos produtores rurais, assim como a materialização da esperança através do atual governo federal com a devida leitura que deve ser dada às demandas do agro”, afirmou o presidente do Sistema Famasul em referência à participação do vice-ministro, Luiz Antônio Nabhan e da secretária-adjunta para Assuntos Fundiários do Mapa, Luana Ruiz.

Em seguida, Nabhan falou da importância do setor para o Governo Federal. “Precisamos trazer segurança jurídica ao campo. Esse é o desafio: dar fim às situações conflituosas”. O ex-ministro apontou ainda os dados registrados pela Famasul em que Mato Grosso do Sul soma 144 propriedades rurais invadidas.

O anfitrião, presidente do Sindicato Rural de Dourados, Lúcio Damália, ressaltou que o objetivo do evento é apresentar novidades técnicas e científicas, enfatizando ainda a atuação do Senar/MS no município. “De 2015 até hoje capacitamos mais de 10 mil pessoas”.

O governador de MS, Reinaldo Azambuja, salientou o desenvolvimento de Dourados e concluiu: “O grande desafio é da porteira para fora. Devemos aumentar a produtividade”.

A presidente da Associação Comercial de Dourados, Elizabeth Salomão, falou da importância do agro para o município. “É um setor preocupado com a sustentabilidade e inovação”. Durante o evento, o deputado estadual, Barbosinha acrescentou: “Os produtores fazem do Agro a pujança do Brasil e de Dourados”.

Do mesmo modo, a prefeita municipal, Délia Godoy Razuk, falou do setor produtivo local: “Vocês fazem do agro gerador de emprego e renda”.

Também compuseram a mesa de honra: o presidente da Câmara Municipal de Dourados, Alan Guedes; o superintendente da Sudeco, Marcos Henrique Derzi; o chefe-geral da Embrapa   Agropecuária Oeste, Guilherme Asmus; o comandante da quarta Brigada de Cavalharia Mecanizada de Dourados, general William e os deputados estaduais: Neno Razuk, Renato Câmara, Lucas de Lima, Coronel David.

Participaram da iniciativa o diretor-tesoureiro da Federação, Marcelo Bertoni; o diretor-secretário da instituição, Frederico Stella; a 2ª diretora-tesoureira, Thaís Carbonaro Faleiros, além dos presidentes dos sindicatos rurais:  Cristiano Binz (Maracaju); João Firmino Neto (Laguna Carapã); Cláudio Pradela (Douradina); Edy Elaine Tarrafel (Ivinhema e Novo Horizonte do Sul); Luciano Manfio (Rio Brilhante); Yoshiriro Hakamada (Naviraí); Edir Pereira Ratier (Paranhos);  entre outras autoridades do estado.

Fonte: Assessoria de Comunicação do Sistema Famasul - Ana Brito