09/01/2022 10:40

Morre aos 70 anos no Hospital da Vida, o radialista de Caarapó, Luiz Cabral

Is allowance instantly strangers applauded
O morador de Caarapó, Luiz Antônio Fernandes Cabral. Foto: Divulgação

Faleceu por volta das 8h30 deste sábado (8), no Hospital da Vida em Dourados, o morador de Caarapó, Luiz Antônio Fernandes Cabral (70).

O senhor Luiz estava internado desde o último domingo (2), em função do tratamento de problemas no coração. Além disso, fazia também hemodiálise.

Natural de Anita Garibalde/SC ele chegou em Caarapó no ano de 1976.

No Vale da Esperança trabalhou como mecânico da empresa Mecasul e também de marceneiro.

Há cerca de 14 anos começou a trabalhar também no meio radiofônico. Primeiramente na antiga Rádio Difusora, onde ajudava o locutor Antônio Borges, no Programa Canto Sertanejo.

Depois foi para a Rádio Caarapó FM onde estava desde a inauguração da emissora na cidade. Lá apresentava o programa um programa com início às 5h, há cerca de 10 anos. Também aos domingos ele ajudava no Programa Canto Sertanejo, com o Antônio Borges.

O morador de Caarapó, Luiz Antônio Fernandes Cabral, era casado com Terezinha Silva Cabral, com a qual teve três filhos, Luiz Fernando Cabral, Nilceia Fernanda Cabral e Angela Cabral.

Seu corpo foi velado por parentes e amigos na capela do Pax Primavera. O sepultamento ocorreu na manhã deste domingo (9), no Cemitério São João.

Homenagem

A locutora da Rádio Caarapó FM, Denyse Barbosa, disse que recebeu com muita tristeza a morte do colega de trabalho. “O Seu Luiz sempre foi um homem apaixonado pelo rádio, chegava bem cedo para começar seu programa, sempre prestativo com seus ouvintes e colegas. Outra marca dele, é que sempre gostava de tocar a sua sanfona, dando ênfase as músicas gaúchas. Ele tinha um amor fora de sério pelo rádio. Além de ser uma perda grande para família é também para os companheiros de trabalho e o meio radiofônico”, observou.

(Com informações de Priscila Cabral)

 

Fonte: José Carlos/Caaraponews