09/09/2020 07:54

Governo paraguaio anuncia abertura parcial de portos, aeroportos e fronteiras

Is allowance instantly strangers applauded
As novas medidas sanitárias devem ser implantadas a partir desta quarta-feira.(Foto: Governo PY)

Mesmo com os números de contaminação pelo Covid 19 aumentando assustadoramente, o Governo Paraguaio anunciou na noite de ontem (8) uma nova flexibilização dentro da chamada Quarentena Inteligente que o país vem cumprindo desde março no começo da pandemia. Um decreto promulgado pelo presidente Mário Abdo Benitez autoriza a abertura parcial e temporária de postos de controle de migração e em portos e aeroportos.

Autoridades sanitárias paraguaias devem dar mais informações sobre a medida em uma coletiva de imprensa nesta quarta-feira, mas o documento divulgado ontem anuncia que a abertura será feita de acordo com as restrições e protocolos sanitários vigentes dentro do “Estado de Emergência Sanitária” declarada pelo Governo.

De acordo com o decreto, os postos de controle de imigração autorizados são o Aeroporto Internacional Silvio Pettirossi, em Assunção, Concepción, a Ponte Internacional San Roque González de Santa Cruz e Puerto Triunfo, em Itapúa; a passagem por Yacyretá, em Misiones; a Ponte da Amizade e o Aeroporto de Guaraní, em Alto Paraná.

Além disso, Puerto José Falcón, em Presidente Hayes, a passagem por Pedro Juan Caballero, em Amambay, o escritório Salto del Guairá e o bairro 20 de Setentación, em Canindeyú, Carmelo Peralta no Alto Paraguai, e o prefeito Infante Rivarola em Boquerón.

Já a Lista de Postos de Controle Migratório apenas para tripulantes e cargas autorizadas são Puerto Itá Enramada e Santa Helena- Brasil (Controle Integrado). Com isso não há por enquanto uma possibilidade da volta de circulação de turistas entre as cidades que fazem fronteira com o Mato Grosso do Sul e a Linha Internacional deve permanecer fechada, mas todos os detalhes desta nova fase de flexibilização sanitária serão apresentados no decorrer desta quarta-feira pelas autoridades paraguaias.

Fonte: Ponta Porã News