12/06/2019 20:19

Audiência Pública debateu violência contra a mulher e feminicídio em Coronel Sapucaia

Ato aconteceu na sexta-feira (7) e contou com a presença de autoridades e segmentos da sociedade da cidade da fronteira com o Paraguai.

Nas fotos momentos da audiência pública para debateu a violência contra a mulher e o combate ao feminicídio, na sexta-feira (7) em Coronel Sapucaia.  (Fotos: Paula Carvalho/cedidas ao grupo A Gazeta)

Vilson Nascimento

Uma audiência pública realizada na manhã da sexta-feira, 7 de junho, debateu a violência contra a mulher e o combate ao feminicídio, em Coronel Sapucaia.

A audiência, que aconteceu no Salão Paroquial Cristo Rei, da Igreja Matriz local, foi promovida pela prefeitura e a Câmara Municipal do município da fronteira o Paraguai, com apoio da Prefeitura de Amambai através da CPPMulheres (Coordenadoria de Políticas Públicas para Mulheres) e reuniu autoridades, representantes de segmentos e membros da sociedade sapucaiense.

A presidente da Câmara de Amambai, Janete Córdoba (e) e as palestrantes, a promotora de justiça, Dra. Nara Fernandes e a coordenadora de políticas públicas para mulheres em Amambai, Dra. Rhaíssa Siviero.

O ato, que foi classificado como um sucesso pelos organizadores, contou com palestra proferida pela promotora de justiça, Dra. Nara Mendes dos Santos Fernandes, titular da 1ª Promotoria da Comarca de Amambai, além de uma palestra com a advogada e coordenadora de políticas públicas para mulheres em Amambai, Dra. Rhaíssa Siviero.

A presidente da Câmara Municipal de Amambai, vereadora Janete Córdoba, que está encampando uma luta pela coleta de assinaturas visando fundamentar um projeto de lei de iniciativa da deputada federal Rose Modesto, que visa endurecer a pena para os autores de feminicídio no País, também esteve presente na audiência pública em Coronel Sapucaia e ressaltou a importância do engajamento das autoridades e da sociedade em geral para coibir a prática de violência doméstica e o crime de feminicídio.

A audiência pública também contou o a participação da 3ª Companhia Independente de Polícia Militar (3ª CIPM) com sede em Amambai através do Promuse (Programa Mulher Segura).

Entre as autoridades presentes, além das já citadas, Dra. Nara Mendes e Janete Córdoba, estavam o prefeito de Coronel Sapucaia, Rudi Paetzold, o presidente da Câmara Municipal local, vereador Roberto Pereira, a vereadora Maria Eloir Vilante, a vereadora Cláudia Ferreira Maciel, a vereadora Célia Cristina Arias Davalos a “Celinha” e o vereador Joalmir Nunes de Oliveira, entre outras autoridades.

Também estiveram presentes no ato o comandante de policiamento de área 1 da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul, coronel Givaldo Medes de Oliveira e o comandante da 3ª CIPM, com sede em Amambai, a qual o 3º Pelotão PM de Coronel Sapucaia é subordinado, major Júlio Marcos Echeverria Silva. 

Fonte: A Gazetanews