08/07/2020 18:45

Amambai registra 25º caso positivo de Covid-19 e aguarda resultados de mais 51 testes

Paciente é indígena morador na aldeia Amambai, fator que indica que o novo coronavírus está circulando na comunidade indígena do município, alerta autoridades de saúde.

Is allowance instantly strangers applauded
O prefeito, Dr. Bandeira, durante Live informativa sobre os números da Covid-19 nessa quarta-feira (8) em Amambai. Com novo caso registrado, município passa para 25 casos positivos da doença desde o início da pandemia. 21 pacientes já estão curados e 2 mo

Vilson Nascimento

Amambai registrou oficialmente nessa quarta-feira, 8 de julho, o 25º caso positivo do novo coronavírus.

Segundo informou o prefeito do município, o médico ortopedista, Dr. Edinaldo Bandeira, durante Live realizada no início da noite, o paciente é um indígena morador na aldeia Amambai.

De acordo com o prefeito ele é esposo de uma indígena que já estava em isolamento na CASAI (Casa da Saúde Indígena) em Amambai por suspeita da doença. O teste da mulher deu negativo para Covid-19, mas será refeito, segundo o prefeito.

Esse foi o segundo caso positivo do novo coronavírus registrado essa semana na aldeia Amambai, que é a maior comunidade indígena do Cone Sul de Mato Grosso do Sul, com cerca de 8 mil índios da etnia guarani-kaiowá.

O primeiro foi de um indígena que mora em uma aldeia de Caarapó, mas estava visitando familiares na comunidade indígena amambaiense.

Os dois casos positivos da Covid-19 na aldeia Amambai acendeu um alerta nas autoridades de saúde e sanitárias, que pedem para a comunidade indígena seguir a risca todas as recomendações de prevenção, entre elas, cuidar da higiene pessoal, lavando as mãos com água e sabão e não compartilhar o tradicional tereré e até chimarrão, para evitar uma disseminação em massa da doença.

De acordo com a Vigilância Epidemiológica do município, dos 25 casos positivos registrados até agora em Amambai, pelo menos 21 pacientes já estão curados e 2 pessoas morreram em decorrência de complicações causadas pela Covid-19.

Segundo a Vigilância Epidemiológica nos casos testados como positivos de Covid-19, o paciente cumpre isolamento protocolar monitorado por 14 dias e as pessoas que mantiveram contato com pessoas infectadas são submetidas a quarentena de 7 dias, como manda o protocolo de biossegurança do Ministério da Saúde.

Resultados e novas coletas

Segundo Dr. Bandeira, nessa quarta-feira, além do caso positivo, o Lacen-MS divulgou mais 10 casos suspeitos da doença que aguardavam testes de laboratório e todos deram negativos para Covid-19.

Reveja AQUI a Live dessa quarta-feira

O prefeito também informou durante a Live, que no decorrer dessa quarta-feira as equipes de saúde do município realizaram mais 7 swab de casos suspeitos de coronavírus. Com isso Amambai segue aguardando o resultado de testes de mais pelo menos 51 exames enviados para exame no Lacen-MS.

Aleta para a prevenção

Com a rápida disseminação do novo coronavírus em todo o Estado e o aumento dos casos na cidade, o prefeito, Dr. Bandeira, faz um alerta a toda a população de Amambai para a necessidade de cumprir à risca as medidas preventivas em relação à doença.

O prefeito alerta a população em geral para a necessidade de manter o distanciamento social, evitando aglomerações, fazer o uso da máscara, que por decreto passou a ser obrigatório em Amambai e também chama a atenção para a higienização como lavar frequentemente as mãos e fazer a utilização do álcool 70% como forma de evitar o contágio pela Covid-19.

Números do Estado e do País

Nessa quarta-feira, dia 8 de julho, Mato Grosso do Sul chegou a marca de cerca de 11.063 infectados pelo novo coronavírus e pelo menos 134 pessoas já haviam morrido em decorrência da doença.

No Brasil, até o final da tarde dessa quarta eram 1.713.160 casos confirmados de Covid-19 e 67.964 pessoas já haviam perdido a vida por conta da doença.

Veja AQUI o boletim epidemiológico do MS nessa quarta

Veja AQUI os números da Covid-19 no Brasil nessa quarta 

 

Fonte: A Gazetanews