08/01/2022 19:07

Sobe para sete o número de mortos no desabamento em Capitólio (MG)

Corpo de Bombeiros estima que 20 pessoas estão desaparecidas após a queda da estrutura rochosa sobre lanchas

Is allowance instantly strangers applauded

O Corpo de Bombeiros confirmou, na tarde deste sábado (8), que subiu para sete o número de mortos na queda de uma estrutura rochosa sobre lanchas, na região dos cânions de Capitólio, a 293 km de Belo Horizonte.

O coronel Edgard Estevo informou que a corporação estima que 20 pessoas estão desaparecidas. A sexta e a sétima morte foram confirmadas pouco depois do pronunciamento das autoridades.

Ainda segundo o militar, três pessoas foram socorridas com ferimentos e levadas para um hospital de Passos, três vítimas foram para São João da Barra e outras duas para Pium-í. Ao todo, 23 banhistas foram atendidos em Capitólio e liberados.

Estrutura de rochas caiu sobre lanchas
Estrutura de rochas caiu sobre lanchasREPRODUÇÃO / REDES SOCIAIS

Cerca de 40 bombeiros estão empenhados nas buscas pelos desaparecidos. De acordo com Estevo, os mergulhos não devem ser feitos no período noturno por questões de segurança.

Os corpos das vítimas serão levados para o IML (Instituto Médico Legal) de Passos, a 357 km da capital, para a identificação. 

Governador Zema

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), se solidarizou com as famílias das vítimas mortas no acidente. 

“Sofremos hoje a dor de uma tragédia em nosso Estado, devido às fortes chuvas, que provocaram o desprendimento de um paredão de pedras no lago de Furnas, em Capitólio. O Governo de Minas está presente desde os primeiros momentos através da Defesa Civil e Corpo de Bombeiros. Os trabalhos de resgate ainda estão em andamento. Solidarizo com as famílias neste difícil momento. Seguiremos atuando para fornecer o apoio e amparo necessários”, escreveu o político.

Inquérito

Em nota, a Marinha do Brasil informou que vai abrir um inquérito para investigar as causas do acidente. Disse ainda que tomou conhecimento do acidente na manhã deste sábado e deslocou equipes de busca e salvamento para o local imediatamente. "Um inquérito será instaurado para apurar causas, circunstâncias do acidente/fato ocorrido", detalhou.

Segundo o órgão das Forças Armadas, equipes foram "prestar o apoio necessário às tripulações envolvidas no acidente, no transporte de feridos para a Santa Casa de Capitólio, e no auxílio aos outros órgãos atuando no local."

 

Fonte: R 7