04/06/2021 11:13

Corpo de Bombeiros teve plantão agitado no feriado de Corpus Christi em Amambai

Foram atendidas pelo menos 10 solicitações, entre elas, 2 acidentes de trânsito com vítimas e um caso onde o marido teria ferido a esposa a golpes de facão após um desentendimento familiar, segundo a corporação.

Is allowance instantly strangers applauded

Vilson Nascimento 

O feriado de Corpus Christi foi movimentado para a equipe de plantão no 16º Subgrupamento Independente do Corpo de Bombeiros (16º SGB), em Amambai.

Segundo a corporação foram pelo menos dez chamados. Em dois deles acidentes de trânsito com vítimas e em outro uma mulher sofreu vários ferimentos após ser agredida, segundo relatou ela aos bombeiros, a golpes de facão pelo próprio marido.

Os acidentes

Em um dos acidentes, ocorrido no cruzamento das ruas, Rio Branco com Moacir Pimentel, Marcos Pinheiro Teixeira, de 48 anos, sofreu escoriações pelo corpo e apresentava suspeita de fratura na perna direita, próximo ao tornozelo, quando a moto que conduzia se envolveu em uma colisão com um carro.

No outro acidente, registrado na Avenida Pedro Manvailler, nas proximidades do Terminal Rodoviário Antônio Delgado, uma adolescente de 15 anos acabou ferida e segundo os bombeiros, não apresentava movimentos nos membros superiores (braços) e membros inferiores (pernas), além de apresentar algias no tórax e dor de cabeça, após o veículo Celta que ela viajava no banco traseiro, ser atingido na lateral por uma Van.

Agressão física

Também durante o plantão dessa quinta (3) para sexta-feira, 4 de junho, o Corpo de Bombeiros de Amambai socorreu uma mulher, vítima de agressão física.

A vítima, que é de origem indígena, residente na região da Vila Cristina, sofreu cortes na região frontal da cabeça e outros na região lateral lado esquerdo, segundo relatou ela aos bombeiros, após ser agredida a golpes de facão pelo próprio marido.

Durante o plantão os bombeiros também prestaram socorro a duas pessoas vítimas de queda comum, realizaram transportes de pacientes de casa para unidade hospitalar e prestaram apoio a órgãos de saúde.

 

Fonte: A Gazetanews