04/12/2019 10:12

Fogo destrói residência em Amambai e família pede por ajuda da população

Crianças que teriam ficado sob os cuidados da avó, teria ateado fogo em colchão durante brincadeira, segundo o Corpo de Bombeiros.

Vilson Nascimento

Uma família de Amambai perdeu quase tudo que tinha quando a casa que moravam foi destruída por um incêndio, nessa terça-feira, 3 de dezembro.

A residência ficou praticamente destruída após o incêndio. A estrutura restante foi condenada e será demolida, segundo a Defesa Civil. (Fotos: Divulgação)

Segundo o Corpo de Bombeiros de Amambai, que atuou na ocorrência, o fogo na residência localizada na Rua José Bonifácio, na divisa entre a região central da cidade e a Vila Crepúsculo, destruiu totalmente seis dos nove cômodos da residência, que era de alvenaria, mas tinha forro de madeira.

De acordo com os bombeiros, informações colhidas no local indicaram que o fogo teria ocorrido quando duas crianças, filhas morador do imóvel, que estavam sob os cuidados da avó, que morava na mesma residência, mas em cômodos separado, enquanto o pai trabalhava, estariam brincando em um dos quartos.

Segundo o Corpo de Bombeiros, as suspeitas são que durante a brincadeira, as crianças possam ter ateado fogo acidentalmente no colchão e, aliado ao calor e ao madeiramento seco da cobertura da casa, bem como móveis e guarda-roupa, por exemplo, as chamas tenham se espalhado rapidamente.

O Corpo de Bombeiros informou que, ao perceber a fumaça intensa saindo do quarto onde estavam as crianças, a avó teria agido rapidamente e retirado os netos, antes que as chamas se espalhassem, evitando assim uma tragédia.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, a ação da guarnição e o auxílio de vizinhos, foram cruciais para retirar e salvar pelo menos trinta por cento dos pertences dos moradores que estavam nos três cômodos não atingidos pelas chamas, mas o restante foi tudo completamente destruído pelo fogo.

Na manhã dessa quarta-feira, dia 4, uma equipe da Defesa Civil de Amambai esteve no local e constatou que o que sobrou da estrutura do imóvel terá que ser demolida por não oferecer condições de recuperação.

Pedido de ajuda

Com praticamente todos os pertences destruídos e sem ter onde morar, parentes dos moradores e amigos usaram as redes sociais para pedir ajuda à família impactada pelo incêndio.

A família precisa, segundo familiares, de praticamente tudo, como doações de roupas e calçados para crianças e adultos, roupas tamanho 8 e calçados 31 e 33, móveis como cama, cadeira, mesa, guarda-roupa, geladeira, alimentos e utensílios domésticos ( garfo , colher , panelas) entre outros objetos.

Para doações e prestar auxílio de qualquer natureza, as pessoas poderão entrar em contato pelo fone/WhatsApp (67) 92498028, ou diretamente com o morador, Marcelo Moraes, pelo celular (67) 99292367, número este que não tem WhatsApp. Marcelo é viúvo e pai de dois meninos, um de 8 e outro de 11 anos, que perderam tudo no incêndio.

Ao tomar conhecimento do ocorrido, na noite dessa segunda-feira (3) o prefeito de Amambai, Dr. Edinaldo Bandeira, que está cumprindo agendas em Brasília, entrou em contato com a reportagem do grupo A Gazeta para informar que a prefeitura, por meio dos setores competentes e dentro do que a legislação permite, também irá buscar meios para auxiliar a família impactada pelo incêndio.

Fonte: A Gazetanews