26/07/2020 19:32

Morre o cantor e compositor Léo Canhoto, que fez dupla com Robertinho, aos 84 anos

Autor de 'Apartamento 37' e 'O Último Julgamento', músico foi pioneiro no uso de guitarras e teclados no sertanejo

Is allowance instantly strangers applauded

Autor de “Apartamento 37” e “O Último Julgamento”, Léo Canhoto morreu aos 84 anos de idade. Ele foi pioneiro no uso de guitarras e teclados na música sertaneja. O artista estava internado há três semanas por causa de uma pneumonia, e sofreu três paradas cardíacas.

Foi Dino Tomas quem confirmou a morte do amigo, que estava tocando com ele nos últimos anos. Léo Canhoto nasceu em Anhumas, interior de São Paulo, mas foi criado no Paraná. Ele ganhou esse apelido porque trocou as cordas do violão para que tocasse com a mão esquerda.

Léo Canhoto fez dupla com Robertinho, e lançou diversos sucessos nos anos 1970.

Para compartilhar esse conteúdo, por favor utilize o link https://www1.folha.uol.com.br/ilustrada/2020/07/morre-o-cantor-e-compositor-leo-canhoto-que-fez-dupla-com-robertinho-aos-84-anos.shtml ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos da Folha estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização da Folhapress ([email protected]). As regras têm como objetivo proteger o investimento que a Folha faz na qualidade de seu jornalismo. Se precisa copiar trecho de texto da Folha para uso privado, por favor logue-se como assinante ou cadastrado.

Assista vídeo com música da dupla

 

 

Fonte: Folha de SP