13/01/2022 11:04

Europa reduz emissões de gases em 24%

A maior diminuição absoluta de emissões de GEE também foi registada no fornecimento de eletricidade

Is allowance instantly strangers applauded

As emissões de gases de efeito estufa (GEE) da União Europeia (UE) foram reduzidos em 24% entre 2008 e 2020, de acordo com o Eurostat. Além disso, as informações dão conta de que, em comparação com 2019, houve uma diminuição de 9%. 

“As contas anuais de emissões atmosféricas oferecem dados detalhados por 64 atividades de produção emissoras (classificadas pela NACE Rev. 2) bem como pelos agregados familiares, tal como definidos e classificados nas contas nacionais. Para efeitos do presente artigo, estas 64 atividades de produção foram ainda agregadas em 6 grupos de atividades económicas”, afirmou o portal Voz do Campo, de Portugal. 

A maior diminuição absoluta de emissões de GEE também foi registada no fornecimento de eletricidade, gás, vapor e ar condicionado (de 1,2 bilhões de toneladas de CO2-eq em 2008 para 719 milhões de toneladas de CO2-eq em 2020; -497 milhões de toneladas de CO2-eq). “O setor é seguido pelo fabril (de 1 mil milhões de toneladas de CO2-eq para 740 milhões de toneladas de CO2-eq; -276 milhões de toneladas de CO2-eq) e pelo setor doméstico (de 836 milhões de toneladas de CO2-eq para 693 milhões de toneladas de CO2-eq; -143 milhões de toneladas de CO2-eq)”, completa. 

“Este artigo analisa as emissões de gases de efeito estufa (GEEs) na União Européia (UE) por meio da emissão de atividades econômicas (indústrias e residências). Os GEEs compreendem dióxido de carbono (CO 2 ), óxido nitroso (N 2 O), metano (CH 4 ) e gases fluorados (hidrofluorcarbonos (HFC), perfluorocarbonos (PFC), hexafluoreto de enxofre (SF 6 ) e trifluoreto de natrium (NF 3 ))”, conclui o relatório.

 

Fonte: Agrolink