18/10/2020 08:47

Estado: Água em abundância na parte alta de Ladário é motivo de comemoração pelos moradores

Moradores do Bairro Nova Aliança conviveram por mais de dez anos sem água: investimentos somam E$ 13,1 milhões

Is allowance instantly strangers applauded
Reservatório em operação há cinco meses garante o abastecimento de água a vários bairros de Ladário: uma vitória diz moradora

“Aqui era uma secura danada, a vizinhança se unia para dividir o pouco que tinha de água”, conta a dona de casa Neusmar Melo, 45, lavando roupa no tanque de sua casa, situada no pé da moradia do Bairro Nova Aliança, em Ladário. Próximo à residência da antiga moradora, o Governo do Estado construiu um reservatório para 500 mil litros de água tratada.

O investimento, por meio de recursos da Sanesul (Empresa de Saneamento de MS), garante o abastecimento diário do Nova Aliança e de outras localidades, como Boa Esperança, Terra Vermelha, Santo Antônio, Mangueiral e Mista, levando aos moradores um serviço essencial e mais qualidade de vida. Em cinco anos e nove meses, o Governo do Estado canalizou R$ 13, 1 milhões na melhoria do sistema de abastecimento de água e esgoto no município.

“Nunca mais faltou água, agora posso lavar roupa até para outras pessoas, ganhando um dinheirinho a mais, e acabou a sujeira. Foi uma grande vitória para nós, só temos a agradecer ao nosso governador (Reinaldo Azambuja)”, comemora Neusmar, mãe de duas filhas menores.

Saneamento básico

De acordo com a Gerência de Sistemas de Abastecimento de Água da Sanesul (GESAA), além do reservatório, foram executados 2.700 metros de rede para garantir o abastecimento na localidade através do reservatório. Projeto em processo de licitação garantirá a implantação de mais 7.368 metros de rede e 303 ligações, ao custo de R$ 3,5 milhões em recursos próprios.

Em julho de 2018, o governador Reinaldo Azambuja entregou uma obra de grande relevância para a saúde dos ladarenses: a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE). "Uma obra importantíssima, vai dar uma condição a Ladário de não ter mais problemas por 30 a 40 anos.  Isso é uma parceria, dinheiro dos governos federal e estadual. Essa tônica do saneamento tem sido do nosso mandato", disse o governador, na ocasião. 

Para o prefeito ladarense Iranil Lima Soares a prefeitura não tem recursos suficientes para obras de infraestrutura e destacou as parcerias com o Governo do Estado. “O governador tem feito importantes obras em Ladário, colmo o recapeamento das vias principais da cidade. Construiu a caixa d’água na parte alta da cidade, acabando com problema de falta de água”, enumerou.

Iranil citou ainda o projeto de saneamento que garantirá 80% de cobertura de esgotamento sanitário. “Isso para nós é a presença do governador executando obras de grande relevância social para nossa população”, disse.

Moradia e saúde

Os investimentos do Governo do Estado em Ladário, cujo município completou 242 anos de fundação no último dia 2 de setembro, somam R$ 32 milhões no período de 2015-2020, dos quais R$ 15 milhões foram destinados somente para a área de infraestrutura urbana. Os repasses em saúde – custeio, novos leitos hospitalares e controle da covid-19 – somam R$ 3,1 milhões.

O governador Reinaldo Azambuja afirmou que os investimentos são frutos de um trabalho que envolveu medidas duras e até impopulares. “Optamos por fazer um governo responsável, diminuímos o tamanho da máquina pública, reduzindo os gastos com o próprio governo para investir no bem estar da população, fizemos as reformas e enfrentamos crises sem deixar de honrar nossos compromissos. Isso nos permitiu manter os investimentos nas obras prioritárias e lançar o Governo Presente, que até o fim de 2022 vai injetar mais R$ 4,2 bilhões nos municípios”, disse.

O Estado restaurou e pavimentou diversas ruas, implantou sistema de drenagem de águas pluviais e entregou 40 casas do Programa Minha Casa Minha Vida, no Loteamento Alta Floresta II, em parceria com o governo federal e a prefeitura. Na área de segurança, foram entregues três viaturas, além de munição, materiais e equipamentos.

Texto: Sílvio de Andrade

Fotos: Chico Ribeiro

 

Fonte: Assessoria Governo do MS