07/08/2019 16:12

Gerson entrega Sala Lilás em delegacia de Sidrolândia no aniversário da Lei Maria da Penha

Espaço é pioneiro na proteção à vítima de violência doméstica. (Foto: Assessoria deputado Gerson Claro)

Um investimento feito no ser humano. Assim o deputado estadual Gerson Claro (PP) classificou a Sala Lilás, inaugurada na manhã desta quarta-feira (7) na Delegacia de Polícia Civil do município de Sidrolândia, a primeira a funcionar no interior de Mato Grosso do Sul.

“Estamos fazendo a boa política, a política do bem, a que faz a diferença. Fazendo investimentos no ser humano. Só assim conseguimos alcançar bons resultados. É importante nós, como sociedade, sabermos que a área da segurança no governo estadual também acolhe e se preocupa com a prevenção, combatendo efetivamente a violência contra mulher”, destacou Gerson.

Na Sala Lilás, a Polícia Civil fará o acolhimento da mulher vítima de violência doméstica, protegendo identidade e integridade da acolhida. A proposta, além de oferecer dignidade à mulher, também visa protegê-la, bem como os filhos, de eventuais constrangimentos e novas agressões.

O espaço inaugurado também conta com uma sala de múltiplo uso para acolher e atender crianças e adolescentes vítimas de violência doméstica.

A subsecretária de políticas para Mulheres do governo de Reinaldo Azambuja, Luciana Azambuja, destacou que o espaço é adequado no conceito de um atendimento humanizado e especializado da mulher vítima de violência, garantindo qualidade na prestação do serviço oferecido.

O delegado-geral da Polícia Civil em Mato Grosso do Sul, Marcelo Vargas, justificou escolha do município para receber a Sala Lilás, uma vez que em 2018 Sidrolândia registrou a maior taxa de casos de violência doméstica para cada 100 mil habitantes em todo Estado. Foram 568 registros em todo o ano passado.

De acordo com a delegada adjunta da delegacia da cidade, Thaís Duarte Miranda, por dia são registrados de 20 a 30 boletins de ocorrência por mulheres agredidas por seus companheiros.

“Temos uma rede de enfrentamento para atender e colaborar no atendimento. Também temos profissionais da Prefeitura que auxiliam nesse atendimento. Queremos uma receita de sucesso para Mato Grosso do Sul e o Brasil e aqui temos um bom exemplo”, disse o prefeito de Sidrolândia, Marcelo Ascoli (PSL).

Diversas autoridades, vereadores de Sidrolândia, o deputado Lídio Lopes e a sociedade prestigiaram a inauguração da Sala Lilás nesta quarta-feira, 7 de agosto, dia em que a Lei Maria da Penha completou 13 anos de criação.

Fonte: Ludyney Moura - Assessoria de Comunicação Dep. Gerson Claro