13/01/2022 11:17

Com Dani Alves e Coutinho, Tite convoca seleção para Eliminatórias

Técnico traz novidades na convocação, mas mantém base da equipe. Brasil enfrenta Equador, no dia 27, e Paraguai, dia 1º

Is allowance instantly strangers applauded
Daniel Alves e Philippe Coutinho foram as grandes surpresas da lista de TiteLUCAS FIGUEIREDO/CBF

O técnico Tite anunciou nesta quinta-feira (13) os convocados da seleção brasileira para os jogos das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022 contra o Equador, em Quito, e Paraguai, em Belo Horizonte, nos dias 27 de janeiro e 1º de fevereiro. A rodada dupla é o primeiro compromisso da amarelinha em 2022.

Dentre os 26 nomes chamados, destaque para o retorno de Daniel Alves, agora no Barcelona, e a manutenção de Philippe Coutinho, recém contratado pelo Aston Villa e surpresa na convocação anterior. Outros nomes como Alex Telles e Rodrygo, que não ganharam tantas chances neste ciclo, recebem novamente a oportunidade de representar a seleção. Neymar, machucado, é a única grande ausência.

Com a classificação já garantida a Copa do Mundo do Catar, o treinador deve aproveitar para fazer os últimos testes na equipe, enquanto deixa o grupo mais coeso. Apesar das novidades, a base da seleção brasileira segue a mesma. 

Sobre a manutenção de Coutinho, Tite reafirmou sua confiança no atleta e disse querer ver o crescimento do jogador. "Coutinho é um jogador de armação e conclusão importante. Que vai recuperando seu melhor nível. Está em condição de retornar. Uma perspectiva de que ele possa ter a retomada de seu maior nível. Para que possa ver e oportunizar se este crescimento possa estar acontecendo", disse o treinador.

A respeito de Vinícius Jr., grande destaque brasileiro no futebol europeu, Tite pregou cautela. "A gente tem que ter muito cuidado com atletas jovens. Calma com expectativa exagerada. Eles oscilam. Neste processo temos que ter o cuidado. Ele vai oscilar. Ele jogou muito contra a Argentina, foi destaque nosso. Já teve o desempenho que tem no Real Madrid", afirmou o técnico.

O Brasil é líder isolado das Eliminatórias Sul-Americanas. A equipe canarinha está invicta e com 35 pontos conquistados em 13 jogos, com 11 vitórias e apenas dois empates. Logo atrás vem a Argentina, com 29. Equador e Colombia, com 23 e 17 pontos, respectivamente, completam o G4. A quinta colocação, que dá acesso a repescagem, é do Peru, que também tem 17 pontos.

Veja a lista completa

Goleiros

Ederson (Manchester City - Inglaterra)
Alisson (Liverpool - Inglaterra)
Weverton (Palmeiras)

Zagueiros

Thiago Silva (Chelsea - Inglaterra)
Marquinhos (PSG - França)
Éder Militão (Real Madrid - Espanha)
Gabriel Magalhães (Arsenal - Inglaterra)

Laterais

Emerson Royal (Tottenham - Inglaterra)
Daniel Alves (Barcelona-Espanha)
Alex Sandro (Juventus - Itália)
Alex Telles (Manchester United - Inglaterra)

Meios-campistas

Casemiro (Real Madrid - Espanha)
Bruno Guimarães (Lyon - França)
Fabinho (Liverpool - Inglaterra)
Fred (Manchester United - Inglaterra)
Gerson (Olympique de Marselha - França)
Lucas Paquetá (Lyon - França)
Everton Ribeiro (Flamengo)
Philippe Coutinho (Aston Villa - Inglaterra)

Atacantes

Vinícius Jr. (Real Madrid-Espanha)
Raphinha (Leeds - Inglaterra)
Antony (Ajax - Holanda)
Matheus Cunha (Atlético de Madrid - Espanha)
Gabriel Jesus (Manchester City - Inglaterra)
Gabriel Barbosa (Flamengo)
Rodrygo (Real Madrid - Espanha)

 

Fonte: R 7