14/01/2022 17:21

Dólar fecha em queda e se aproxima de R$ 5,50

Nesta sexta-feira (14), a moeda norte-americana recuou 0,27%, a R$ 5,5129.

Is allowance instantly strangers applauded

O dólar recuou nesta sexta-feira (14), acumulando queda na semana, em linha com as perdas registradas pela moeda no exterior nos últimos dias devido à redução de temores sobre os rumos dos juros nos Estados Unidos.

A moeda norte-americana recuou 0,27%, cotada a R$ 5,5129. Veja mais cotações. Trata-se do menor patamar de fechamento desde 16 de novembro do ano passado (R$ 5,4991).

Com o resultado desta sexta, o dólar perdeu 2,12% na semana e passou a acumular queda de 1,11% no ano.

Contexto

Segundo a agência Reuters, as perdas recentes do dólar refletem a percepção de investidores de que a maior parte da guinada mais dura na conduta da política monetária do banco central dos Estados Unidos - que geralmente é fator de apoio para o dólar - já foi precificada.

Recentemente, várias autoridades do Federal Reserve defenderam que o primeiro aumento de juros nos EUA desde o início da pandemia aconteça já em março deste ano.

A expectativa predominante nos mercados é de que, depois da alta das taxas de empréstimo em março, o banco central aumente os juros mais duas vezes neste ano. Mas apostas mais agressivas, de que o Fed promoveria mais de três aumentos em 2022, perderam força nesta semana após dados de inflação norte-americanos em linha com as expectativas.

Por aqui, o mercado segue com as questões fiscais no radar, em especial a pressão de servidores por reajustes salariais.

"A pressão por gastos neste ano eleitoral será imensa. O maior risco local, no momento, é a nova onda da pandemia ser usada como argumento para uma nova rodada de gastos", comentou Dan Kawa, diretor de investimentos e sócio da TAG Investimentos.

 

Fonte: G 1