29/11/2020 10:40

Convenção Coletiva define diretrizes para trabalhadores do comércio em Amambai

Convenção definiu piso salarial de acordo com cada função e horas extras, entre outras normas de interesse da categoria.

Is allowance instantly strangers applauded
Vista da cidade de Amambai. Convenção coletiva definiu as diretrizes salarial, carga horária e outras funções relacionadas aos trabalhadores no comércio da cidade. (Foto: Vilson Nascimento)

Vilson Nascimento

Convenção Coletiva firmada entre o Sindicato dos Empregados do Comércio de Ponta Porã, Amambai e Laguna Carapã e a Fecomércio-MS definiu as medidas que vão reger as diretrizes salarial e horários de trabalho para os funcionários do comércio em Amambai.

Segundo o Sindicato Laboral as diretrizes debatidas a traçadas para 2020/2022 tratam sobre o percentual de reajuste salarial, horários de trabalho e estipula a partir de quando o empregado do comércio passa a ter direito em receber hora extra, entre outros assuntos relacionados a categoria (clique AQUI para ver).

Pela convenção coletiva o reajuste dos empregados do comércio tem data base em de 1º novembro e o índice de reajuste à ser aplicado já neste mês é de 4,77%.

A convenção também definiu o piso salarial para os empregados do comércio levando em consideração a função de cada um.

Para atendentes, balconista e vendedores, o piso salarial a partir de 1 de novembro de 2020 é de R$ 1.246,00. Para funções como office-boy, coleira e empacotador o piso será de R$ 1.170,00 e para as demais funções, R$ 1.206,00.

Clique AQUI para ver mais detalhes sobre a Convenção Coletiva 2020/2022.

 

Fonte: A Gazetanews