13/09/2019 10:48

ACIA comemora 40 anos com homenagens e coquetel

Is allowance instantly strangers applauded

Nesta segunda-feira, dia 9, a Associação Comercial e Empresarial de Amambai- ACIA comemorou 40 anos de fundação no município. Com direito a homenagens e um coquetel, empresários associados se reuniram no salão de eventos da entidade, às 20 horas, para participar da solenidade.

Estiveram presentes, o presidente da entidade, Clemente Júnior, ex-presidentes Azor de Assis, Aral Moreira Maciel, Matheus Clemente Selhorst, Rodrigo Selhorst, Sérgio Barbosa e Wesley Nogueira de Lima (o Lelo),  o secretário municipal de governo, Sérgio Périus, representando o prefeito de Amambai, Dr. Bandeira, a presidente da Câmara, vereadora Janete Córdoba, gerentes do Banco do Brasil, membros da diretoria e colaboradores da ACIA.

Durante a cerimônia, a atual diretoria realizou uma homenagem aos ex-presidentes, destacando o ótimo trabalho que vem sendo desenvolvido pela entidade. “Esta homenagem é para todos aqueles que fazem e já fizeram parte da entidade, seja como membro da diretoria ou colaborador, ao longo destes 40 anos. Nós temos a convicção que esta associação fez e ainda vai fazer muito pelo desenvolvimento do nosso município. Nós nos sentimos honrados de fazer parte desta associação.”, destacou o presidente Júnior, enaltecendo ainda o trabalho dos ex-presidentes. “Os senhores nos deixaram um legado muito bonito, de credibilidade e responsabilidade, que faz com que todos que estejam a frente dessa associação se sintam respaldado pelo trabalho que vocês fizeram.”

O empresário Matheus Selhorst acompanhou o início da história da entidade e foi um dos primeiro presidentes. Na oportunidade, Matheus falou um pouco sobre o contexto histórico e social da época em que a associação foi fundada.

“É importante lembrar do senhor Hamilton Maciel, já falecido. Foi ele que provocou o começo de todo esse trabalho da Associação, que hoje a cidade usufrui. Quando a associação comercial foi fundada, Amambai tinha cerca de 6 mil habitantes. Baseado no estatuto de Londrina-PR, nós criamos o nosso primeiro estatuto, adaptando a nossa realidade”, relembra.

Matheus selhorts também enalteceu o trabalho dos empreendedores do município, destacando que mesmo diante de muitos obstáculos, a classe tem se mantido firme em sua luta diária, trazendo desenvolvimento para Amambai.

“Amambai só é o que é, graças a pujança e o espírito empreendedor do amambaiense. São muitos desafios, como as leis trabalhistas, impostos, a busca de como empreender melhor, mas graças a Deus, nós continuamos na luta e sabemos que a união é que faz a força.”, finalizou.

Fonte: Raquel Fernandes/ Grupo A Gazeta