14/08/2020 23:23

Janete e Dr. Bandeira acompanham instalação da Geladeira Solidária no Terminal Rodoviário em Amambai

Projeto voluntário desenvolvido pela vereadora com apoio do prefeito e da sociedade amambaiense, tem por objetivo saciar a fome de quem dinheiro para comprar alimento no município.

Is allowance instantly strangers applauded
Nas fotos o prefeito Dr. Edinaldo Bandeira e a vereadora e idealizadora do projeto, no ato de relançamento da “Geladeira Solidária” na tarde dessa sexta-feira, 14 de agosto, no Terminal Rodoviário Antônio Delgado, em Amambai. (Fotos: Paula Carvalho/Assess

Vilson Nascimento

A vereadora Janete Córdoba, idealizadora do projeto e o prefeito, Dr. Edinaldo Bandeira, que abraçou a iniciativa iniciada em 2018, acompanharam a instalação, na tarde dessa sexta-feira, dia 14 de agosto, da “Geladeira Solidária”, no Terminal Rodoviário Antônio Delgado, em Amambai.

O projeto funcionou com sucesso por vários meses na sede da Secretaria de Assistência Social, na Praça Orlando Viol, mas teve que ser suspenso por certo período por conta de atos de vandalismo.

Segundo a vereadora Janete, que encampou a iniciativa após sugestão, na época, da cidadã amambaiense Ednéia Vaz, o projeto vai continuar em novo local e funcionar como era anteriormente. 

Os comerciantes e membros da sociedade em geral vão abastecer diariamente, de forma voluntária, a geladeira e quem estiver com fome e precisar, poderá se dirigir até a Geladeira Solidária e apanhar algo para comer sem pagar nada por isso.

Segundo Janete Córdoba, os alimentos expostos na geladeira estarão à disposição de todos, mas o público alvo da iniciativa são pessoas carentes e andarilhos.

De acordo com Janete Córdoba, poderão ser colocados na geladeira e deixados à disposição de quem precisar verduras, frutas e outros tipos de alimentos, inclusive arroz, feijão e carnes, assada ou frita, ou seja, alimentos prontos para consumo, que devem estar em embalagens como potinhos, por exemplo. Carne crua não deve ser deixada na geladeira.

“Muitas vezes as pessoas estão passando fome, precisam de um alimento e por questão financeira, não tem como adquirir e como comer. Com a Geladeira Solidária elas terão acesso a alimentos gratuitamente, basta nós, da sociedade dispormos de um pouquinho do que temos e manter a geladeira abastecida”, disse a vereadora ao agradecer ao prefeito Dr. Bandeira por abraçar e apoiar a inciativa e mais uma vez, colaborar para a continuidade do projeto voluntário.

Segundo Janete, o Terminal Rodoviário foi escolhido dessa vez para abrigar a Geladeira Solidária por dois motivos; as instalações contar com vigia patrimonial, fator que dificultará a ação dos vândalos e por ser um local que recebe frequentemente pessoas em situação de vulnerabilidade, seja elas que estejam chegando de viagem ou da própria cidade, que usam as instalações do Terminal Rodoviário para apanhar água e até mesmo fazer higienização pessoal.

 

Fonte: A Gazetanews