Gazeta de Amambaí


Quarta-Feira, 04 de Outubro de 2017 às 07:06

Presença de brasileiros no Mais Médicos cresceu 44%, diz Ministério da Saúde

A participação de brasileiros no programa Mais Médicos cresceu 44% no último ano, anunciou o Ministério da Saúde nesta terça-feira, 03, durante entrevista coletiva do ministro Ricardo Barros, em Brasília.

De acordo com os números apresentados pelo ministro, o programa saltou de 5.765 profissionais em 2016 para 8.316 em 2017. O maior incremento se deu pela participação de brasileiros formados no exterior, ou seja, de 1.204 para 2.579, 114,2% mais no período.

Entre os brasileiros residentes no país, o crescimento foi de 25,8% (de 4.561 para 5.737). Na avaliação do governo, o aumento de brasileiros se deu porque o programa recebeu um reforço com mais profissionais, e pela substituição de médicos estrangeiros.

Lançado em 2013 pela ex-presidente Dilma Roussef (PT), o programa Mais Médicos foi criado como tentativa de fixar médicos brasileiros ou estrangeiros na rede pública de saúde de municípios do interior e nas periferias das grandes cidades.

A meta da atual gestão do Ministério da Saúde é substituir os médicos estrangeiros por brasileiros. Em novembro de 2016, fez um levantamento para ver quais cidades que contam atualmente com o serviço de cubanos poderiam atrair brasileiros.

Pelos números apresentados nesta terça-feira, a maior reposição de médicos aconteceu no Sudeste com 565 profissionais, seguido pela região Sul que mais atraiu 329 médicos. O Nordeste foi a região que menos atraiu médicos com 296 profissionais.

Na próxima segunda-feira, 09, segundo o Ministério da Saúde, 1.400 médicos brasileiros devem começar a trabalhar em unidades de saúde pelo Brasil.

Fonte: Campo Grandenews

COMPARTILHE

IMPRIMIR

   
  • Mais Notícias
  • Mais Lidas
  • Mais Saúde

Copyright © A Gazeta News.
Todos os Direitos Reservados.
Todas as matérias poderão ser reproduzidas desde que citada a fonte.