Gazeta de Amambaí


Quarta-Feira, 10 de Outubro de 2018 às 10:47

Manezinho cobra ciclovias nas principais vias de Caarapó

O parlamentar também cobrou o serviço de encascalhamento em todas as ruas do Jardim Adonai II

Clique na Imagem para ampliá-la

Foto: Assessoria

O vereador Manoel Batista de Souza o “Manezinho” (DEM) encaminhou documento ao prefeito André Nezzi – com cópia  à Secretaria Municipal de Obras e Serviços Urbanos, solicitando que viabilizem a construção de ciclovias nas principais vias asfaltadas da cidade.

O vereador justificou sua indicação, explicando que existe uma grande rotatividade de veículos de passeio e de cargas que transitam pelas principais avenidas da cidade. Segundo o parlamentar, a construção destas ciclovias vai oferecer seguranças aos transeuntes, principalmente aos estudantes.

“Acompanhei recentemente o fluxo de veículos em horário de pico em algumas vias, e constatei que realmente é preocupante a situação – principalmente  entre 11h30 e 12h que é o horário de almoço e saída dos alunos da escola.  Nossa preocupação é evitar a ocorrência de acidentes. Por isso estamos pedindo ao prefeito que dê uma atenção especial a este pedido”, alertou o vereador Manezinho.

O parlamentar também encaminhou documento à Secretaria Municipal de Obras e Serviços Urbanos, para que efetue serviços de encascalhamento em todas as ruas do Jardim Adonai II. Manezinho afirmou durante seu discurso no Legislativo, que a cada chuva os problemas de formação de lamaçal, poças, barro e surgimento de buracos reaparecem, gerando reclamação  e novas reivindicação dos moradores.

O vereador pontua que este é um problema antigo daquele bairro, pauta de diversas indicações. “Assim,  solicitamos ao setor competente um meio para sanar de vez os problemas  que tem sido motivo de constantes reclamações dos moradores”, cobrou Manezinho.

 

Fonte: Assessoria Câmara de Caarapó

COMPARTILHE

IMPRIMIR

   
  • Mais Notícias
  • Mais Lidas
  • Mais Região

Copyright © A Gazeta News.
Todos os Direitos Reservados.
Todas as matérias poderão ser reproduzidas desde que citada a fonte.