Gazeta de Amambaí


Sexta-Feira, 12 de Janeiro de 2018 às 20:40

Defesa Civil do Estado presta apoio técnico a Tacuru

Clique na Imagem para ampliá-la

Município, administração municipal, deputados(a) e governo se unem para sanar problemas causados pelas chuvas no município de Tacuru/MS

A Defesa Civil do município que tem como coordenador o Sr. Lucas Aurélio, realizou levantamentos dos danos causados, onde em uma extensão de aproximadamente 700 de estradas vicinais do município mais de 70% encontram-se totalmente destruídas quase impossibilitam o trafego, A ponte sobre o córrego Cadeado foi totalmente destruída, outra sobre o rio Puitã está com sua estrutura totalmente comprometida e outras 4 pontes tiveram suas cabeceiras levadas com a força das águas. O córrego Tacuru que margeia aproximadamente 4 Km do perímetro noroeste da zona urbana, está com vários pontos críticos de erosão, um deles é próximo a Horta Municipal que destruiu cerca de 30 metros de galerias pluviais, além de deixar em área de risco a população local.

No dia 08 de janeiro o Tenente Albuquerque e o Sargento Vanderlei estiveram em Tacuru onde foram recebidos pelo chefe do departamento de defesa civil Lucas Aurélio e o secretario de governo Edson Cordoba Itube estiveram para avaliar e orientar nos procedimentos cabíveis para os danos causados pelas chuvas no mês de Dezembro. No histórico de chuvas do mês é de aproximadamente 172 mm, porém no relatório feito pela CEMTEC (Centro de Monitoramento de Tempo, do Clima e dos Recursos Hídricos de Mato Grosso do Sul) o acumulado de chuva foi de 318 mm, no entanto no dia 27 de dezembro em apenas 3 horas choveu aproximadamente 150 mm, que é quase a previsão para o mês inteiro.

A interdição da Ponte sobre o Rio Puitã será necessária, pois a mesma está com a estrutura comprometida, trazendo risco para os moradores. “Sabemos que trará transtornos para a população que ali residem, mas estamos prevenindo para que não ocorra um desastre maior – Ressaltou Lucas”.

Foi decretado situação de emergência no dia 28 dezembro, um dia depois do ocorrido.

E a boa notícia é que provavelmente a ponte sobre o córrego Cadeado e sobre o Rio Puitã serão construídas de concreto armado, o que irá colocar um ponto final neste problema crônico que ocorre sempre neste período chuvoso, pois a ponte sobre o córrego Cadeado foi reformada 4 vezes nos últimos 6 meses.

A Defesa Civil do Estado junto com o Sr. José Gomes Goulart(Casé) Coordenador de Ações Governamentais estão dando total apoio e suporte.” Segundo o prefeito Carlos Alberto Pelegrine “Carlinhos” o município encontra-se em estado de emergência necessitando no momento de total apoio dos governantes, “nosso município mais uma vez vem passando por grandes problemas devido as fortes intempéries dos últimos dias, mas uma vez estamos sendo assolados pelas grandes fortes e constantes chuvas que causam grandes damos nas estradas do município cousando transtorno a todos, neste momento delicado gostaríamos de pedir a compreensão de todos os munícipes pois estamos buscando incansável mente recursos e apoio de deputados estaduais e federais senadores e do governo para que com esta ajuda possamos estar o mais breve possível consertado todo o estrago já causado pelas chuvas” comentou o

Fonte: Assessoria

COMPARTILHE

IMPRIMIR

   
  • Mais Notícias
  • Mais Lidas
  • Mais Região

Copyright © A Gazeta News.
Todos os Direitos Reservados.
Todas as matérias poderão ser reproduzidas desde que citada a fonte.