Gazeta de Amambaí


Quinta-Feira, 29 de Novembro de 2018 às 19:02

Indústria 4.0 cria novas profissões no segmento de alimentos e bebidas

A Indústria 4.0 é uma realidade também no setor de alimentos e bebidas. Dentro desse novo conceito de produção, toda a cadeia do setor alimentício, do campo até a mesa do consumidor, está sendo analisada, controlada e está continuamente evoluindo. O uso de softwares avançados para controle de processos e implantação de processos e de bigdata para previsão orçamentária, por exemplo, exige profissionais cada vez mais qualificados e, nesse cenário, novas profissões devem surgir. 

Segundo o diretor-regional do Senai, Rodolpho Caesar Mangilardo, a instituição em Mato Grosso do Sul tem investido na formação no segmento de alimentos e bebidas. “Queremos desenvolver ainda mais os serviços educacionais oferecidos pelo IST Alimentos e Bebidas (Instituto Senai de Tecnologia em Alimentos e Bebidas), em Dourados, justamente para formar profissionais mais qualificados e preparados para esse novo modelo de produção”, afirmou. 

De acordo com levantamento realizado pelo Departamento Nacional do Senai, com o uso de softwares avançados para controle de processos e de big data para previsão orçamentária industrial, além de drones para monitoramento e segurança de áreas de plantio, devem se destacar nos próximos anos profissões como técnico em cervejaria, operador de processamento de grãos e operador de processamento de bebidas.

Confira as profissões no segmento de alimentos e bebidas que já estão se destacando no mercado

1 – Técnico em açúcar e álcool

Atividade: realizar análises em novos equipamentos e instrumentos; identificar a necessidade de ajuste e/ou reparo de equipamentos ou dispositivos mecânicos, eletroeletrônicos e automatizados para testes; levantar e analisar dados históricos, de mercado, de qualidade, produção e perdas para o planejamento da produção.

Remuneração média: R$ 2.230,04

2 - Técnico em Cervejaria

Atividade: operar e monitorar equipamentos automatizados de produção; prestar assistência a engenheiros de alimentos ou tecnólogos em pesquisa e desenvolvimento, tecnologias de produção e controle de qualidade; examinar amostras químicas ou biológicas para identificar estruturas celulares ou localizar bactérias ou material estranho, utilizando equipamentos analíticos. 

Remuneração média: R$ 1.747,78

3 - Operador de processamento de grãos

Atividade: operar e monitorar equipamento automatizado de secagem, moagem ou torrefação de itens alimentares, tais como cacau e café feijões, cereais, nozes e matérias-primas utilizadas em panificação; monitorar e programar o fluxo de materiais e detectar o mal funcionamento de máquinas, tais como bloqueios, implementando ações corretivas.

Remuneração média: R$ 2.230,04

4 – Operador de processamento de bebidas

Atividade: monitorar, operar e controlar equipamentos automatizados tais como caldeiras, tonéis, secadores, silos, destiladores, filtros, moinhos, cortadores e moendas para cozinhar ou preparar bebidas; interpretar ordens de trabalho, receitas ou fórmulas para determinar tempos e temperaturas de cozimento e especificações de ingredientes; coletar e analisar amostras de produtos durante a produção para testar a qualidade, cor, conteúdo, consistência, viscosidade e acidez, entre outros parâmetros.

Remuneração média: R$ 4.051,06

Profissões que devem surgir nos próximos anos

1 - Especialista em aplicações de Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) para a rastreabilidade de alimentos

Atividade: colaborar com as empresas de alimentos no design; implementar e fazer manutenção dos sistemas de rastreabilidade das matérias-primas, ingredientes e recipientes, bem como os alimentos processados e comercializados.

2 - Especialista em aplicações de embalagens para alimentos

Atividade: liderar a pesquisa de aplicações de novos materiais, técnicas de embalagem, novas embalagens, atmosferas de proteção e melhorias, dentro de estratégias de lançamento de novos produtos; melhorar embalagens e/ou adaptá-las para novas tecnologias de embalagem.

3 - Técnico em impressão de alimentos

Atividade: fazer manutenção das máquinas responsáveis pela impressão de alimentos.

Fonte: Fiems

COMPARTILHE

IMPRIMIR

   
  • Mais Notícias
  • Mais Lidas
  • Mais Estado

Copyright © A Gazeta News.
Todos os Direitos Reservados.
Todas as matérias poderão ser reproduzidas desde que citada a fonte.