Gazeta de Amambaí


Quarta-Feira, 06 de Dezembro de 2017 às 19:02

Especialistas e empresários debatem na Fiems o futuro da indústria

Com um espaço transformado pela tecnologia, o auditório do Edifício Casa da Indústria, em Campo Grande (MS), sediou, nesta terça-feira (05/12), o evento de encerramento do projeto “Diálogos de Inovação”, uma série de sete encontros iniciada em setembro pela Fiems e Senai para pensar a indústria de Mato Grosso do Sul pelos próximos 20 anos.

Um grande painel de LED tomou o palco do auditório e, por ele, os sete especialistas que participaram do “Diálogos” - Cristiana Fortini, Caio Adorno Vassão, Reinaldo Lorenzato, Miguel Cerqueira, Cristiana Mattos Assumpção, Martha Gabriel e Aristides Monteiro Neto – puderam retornar e participar virtualmente da discussão, ainda que estivessem em países como Tailândia e Portugal.

O resultado é a elaboração do painel “MS - Indústria para o futuro”, que traz dez direcionamentos para elevar o estado à vanguarda mundial do setor. O apresentador dos programas “Expresso Futuro”, do Canal Futura, e “Navegador”, da GloboNews, Ronaldo Lemos, que é mestre em Direito Digital por Harvard e doutor em Direito pela USP, além de ter sido eleito pelo Fórum Econômico Mundial 2015 um dos “Jovens Líderes Globais”, participou presencialmente para mediar o debate.

“As palestras realizadas ao longo dos sete encontros do Diálogos de Inovação foram muito importantes para repensar o modelo vigente. Para muitos de nós, a tecnologia é muito bem conduzida pelos nossos filhos e netos, e o que o projeto fez foi trazer a condição de evoluirmos nesse sentido. Agora teremos o painel Indústria para o futuro, um produto que permitirá a todos nós avançarmos em produtividade e desenvolvimento. O Senai teve um papel muito inteligente ao pinçar especialistas que são referência no Brasil e no mundo para traça este caminho que servirá não só para Mato Grosso do Sul, mas para o setor produtivo de diversas regiões”, analisou o presidente da Fiems, Sérgio Longen, durante o evento.

Para o diretor-regional do Senai, Jesner Escandolhero, os “Diálogos de inovação” cumpriram o propósito de chegar às propostas e direcionamentos para o desenvolvimento da indústria. “Este sempre foi nosso objetivo, desenvolver a indústria com base na inovação. Entendo que o painel apresenta uma coerência muito interessante e de alta relevância, diante de tudo aquilo que foi discutido entre empresários e especialistas. Por outro lado, apresenta também um grande desafio. Acredito que o próximo passo já imediato é elaborar um novo projeto, saindo do Diálogos e partindo para efetivação de implementação desses grandes direcionadores”, acrescentou.

Para Ronaldo Lemos, o projeto está na vanguarda e discutiu temas que são essenciais não só para o contexto de Mato Grosso do Sul, mas também para o país. “ Talvez até para o mundo eu diria. Falamos aqui em inteligência artificial, internet das coisas, indústria 4.0, como criar modelos para aumentar a produtividade, que são desafios não só regionais, mas globais. E para lidar com temas tão importantes, a gente precisa começar de algum lugar. O que eu acho importante desse projeto é que ele dá um norte, cria uma diretriz e isso permite que os vários atores da sociedade possam se coordenar para atingir aqueles objetivos. Acho que é assim que se lida com temas tão fundamentais quanto esses”, pontuou.

Repercussão

O formato inovador do Webinar e o conteúdo debatido surpreenderam os empresários presentes no “Diálogos de Inovação”. O empresário Frederico Valente comentou que nunca tinha participado de um encontro do porte como o que foi apresentado nesta terça-feira. “Eu estou encantado com esse evento! Esse formato tecnológico que a Fiems e o Senai montaram aqui, com palestrantes de cada canto do mundo interagindo ao mesmo tempo. Isso sem falar do conteúdo, que foi de extrema importância. Acho que Campo Grande precisava de iniciativas desse tipo. Agora temos de pegar esses indicadores apresentados aqui e colocar em prática”, afirmou.

O empresário Clair Smaniotto elogiou a Fiems e o Senai pela estrutura do evento e pela escolha dos temas abordados. “Estou impressionado com o contexto das discussões feitas aqui e da forma como foram apresentadas. Quando cheguei no auditório e vi a estrutura do evento, fiquei realmente surpreso com o formato inovador, que tem tudo a ver com todos os temas discutidos nos encontros anteriores, que fazem parte da indústria”, declarou.

Para o empresário Nilton Rezende, foi de extrema importância a discussão sobre temas que impactam a indústria e a sociedade. “Foi um evento muito abrangente, que mostra que a tecnologia está acima de tudo. Essa interação entre os palestrantes dos encontros anteriores, tratando de temas importantíssimos para a indústria, mas também para a sociedade de modo geral. Gostei muito do formato inovador e dessa interação”, salientou.

Já o empresário Sandro Luiz Mendonça destacou o painel com 10 indicadores apresentados durante os debates. “Acho que esses 10 indicadores para a indústria trabalhar vêm para contribuir com o setor empresarial. A Fiems e o Senai estão de parabéns por esse projeto, que foi muito bem estudado, bem planejado e bem executado, trazendo discussões de extrema importância para a indústria”, pontuou. 

Fonte: Fiems

COMPARTILHE

IMPRIMIR

   
  • Mais Notícias
  • Mais Lidas
  • Mais Estado

Copyright © A Gazeta News.
Todos os Direitos Reservados.
Todas as matérias poderão ser reproduzidas desde que citada a fonte.