Gazeta de Amambaí


Segunda-Feira, 11 de Março de 2019 às 06:45

Governo de MS discute hoje jornada de trabalho dos servidores

Proposta é retomar para todos os servidores a jornada de 40 hora semanais, uma forma de melhorar atendimento à população sem ampliar gastos

Governador em reunião,quando anunciou pagamento do 13º e falou da  necessidade de redução de gastos  (Foto/Arquivo: Marina Pacheco)Governador em reunião,quando anunciou pagamento do 13º e falou da necessidade de redução de gastos (Foto/Arquivo: Marina Pacheco)

A partir das 9 horas, governo e sindicato dos funcionários públicos discutem a proposta de retomar a jornada diária de 8 horas de trabalho. Essa vai ser a primeira das discussões sobre o assunto que estão previstas até amanhã, na SAD (Secretaria Estadual de Administração).

A proposta atende pesquisa popular, em que 93% dos entrevistados são favoráveis ao expediente integral nos órgãos públicos. A medida, segundo o governo, também irá sanar lacunas no atendimento ao público sem grandes impactos no aumento de gastos com pessoal, atingindo 32,5% do funcionalismo.

A intenção do governo estadual é reduzir os gastos com pessoal em função da LRF (Lei de Responsabilidade Fiscal). O Estado encerrou 2018 acima do limite prudencial. A despesa total com pessoal chegou a R$ 6.223.070.878,82, o equivalente a 57,98% da receita líquida, com pagamentos feitos a 70 mil servidores, entre ativos e inativos.

Além da ampliação da jornada, o governo discutirá nessas reuniões o PDV (Plano de Demissão Voluntária), a ser apresentado na Assembleia Legislativa.

 

Fonte: Campo Grandenews

COMPARTILHE

IMPRIMIR

   
  • Mais Notícias
  • Mais Lidas
  • Mais Educação

Copyright © A Gazeta News.
Todos os Direitos Reservados.
Todas as matérias poderão ser reproduzidas desde que citada a fonte.